“Você tem que se perder, antes de se encontrar.”

Quem eu sou? Quem eu desejo ser ? Ou quem eu deveria ser ? Foi assim que comecei este blog, a criação dele, “Quem sou eu ?! “. Há mais ou menos dez meses atrás eu tinha plena certeza de quem eu era mas, em meio a trajetória do meu processo de transformação eu carreguei esta mesma pergunta, após alguns desencontros com meu próprio “eu”. E sim eu também me perguntei por diversas vezes se isto é ruim, “se perder”. A resposta que encontrei foi; “É necessário se perder, para se encontrar”, ouvi estas mesmas palavras em lindas canções, poemas, filmes e até que eu mesma soube quanta verdade elas carregam.

Vivemos sempre em busca de algo nesta vida, e é no meio desta busca incessante que nós por muitas vezes nos perdemos. Mas às coisas acontecem como devem acontecer, são consequências de nossas escolhas, ações, decisões e são elas que nos define e que nos levam para o caminho da transformação. A sensação de se perder pode ser até dolorosa, quando alguém nos pergunta;”Quem nós somos” e nós não encontramos palavras para nos descrevermos, não temos plena certeza de nada, porque ainda não nos encontramos ou nos reencontramos… sim é frustante, até entendermos que estamos passando por um longo processo de transformação.

Quando eu disse que vivemos sempre em busca de algo é porque até mesmo está procura por quem somos, se torna uma busca em nossas vidas. É importante pra nós sabermos quem somos, nossa essência, o que nos define, e se perder faz parte de tudo isso, deste processo. Se questionar, se avaliar e se perguntar; quais são meus verdadeiros objetivos de vida ? o que meu coração realmente deseja? o que me faz feliz de verdade? Os meus sonhos são realmente meus ? Ou são o que os outros sonham para mim ? O que é importante ter ou fazer para alcançar a felicidade? Será que eu tenho valorizado realmente a “vida”? São questões como está que nos fazem enxergar nossos erros, aqueles repetidos erros que nos fazem andar em círculos, que nos trazem duras verdades sobre nós mesmos e que também nos ajudam a ir em busca de uma melhor versão de nós.

Esta busca é a nossa transformação, e cada detalhe deste processo é muito importante, pois nos traz sempre uma verdade sobre nós, uma resposta para o nosso livro de questões e o mais importante muitas descobertas sobre a vida, o que é viver, sobre as pessoas e como eu disse sobre nós. Um novo eu ou um reencontro com uma parte de si que se perdeu, mas que você encontrou graças a este processo. Nós vivemos em constantes transformações, somos verdadeiramente metamorfose e isso é bom, podemos mudar. 🙂

É como se estivéssemos em uma viagem , navegando no gigantesco mar que é a nossa vida e é tão importante se atentar aos detalhes, observar e entender o quanto a vida em si é importa e que viver uma vida feliz é bem mais simples do que imaginamos. O nosso tempo pode ser curto ou longo mas um dia ele acaba, então por que não viver nossos sonhos enquanto temos tempo? por que não construir laços de amor, de amizade? Ou refazer estes laços que se perderam ? Alguns talvez se foram, mas os que ainda estão aqui precisam de amor assim como nós precisamos ser amados, existem novas histórias, novas possibilidades, que esperam por nós!.

Nesta busca por respostas sobre mim eu encontrei mais do que respostas, mas um sentido para viver, e o segredo não está em conquistas materiais, em ter muito dinheiro, mas sim em tudo que encontramos vida e amor. Uma vez ouvi o Pastor Deive Leonardo dizer, que o segredo para viver uma vida de prosperidade, que não significa ter dinheiro , é o tanto que você investe em pessoas, na vida, o quanto você ama e ajuda o seu próximo. E eu compreendi isso de verdade, pois muitas vezes estamos em busca de uma carreira bem sucedida, em ter nosso carro, apartamento, uma vida estável e vivemos estressados, ansiosos, angustiados, amargos por dentro, vazios porque nos falta amor, nos falta vida.

Coisas estás que encontramos nos detalhes mais simples que não notamos, em um momento de lazer com a família, amigos, com quem amamos, aproveitando cada momento desta vida, tendo um tempo de qualidade. Ajudando alguém que necessita seja com alimento, dinheiro ou simplesmente sendo um bom amigo, dando uma força, sendo gentil, empático e sendo grato. É simples não é, nós que complicamos tudo, escolhemos sempre o caminho mais difícil, mas ainda sim aprendemos e como aprendemos não é mesmo ?!, porque é necessário se perder para se encontrar. 🙂

Lembre-se de observar a vida!

Porque é preciso se perder para se encontrar.
Então se perca em si mesma. Se perca se buscando.
A única procura que vale é a da felicidade, da sua felicidade, o resto vem na consequência pra te completar.
Porque, afinal, o amor acontece quando você está distraída. – “Hudson Baroni

Às vezes é preciso se perder para poder se encontrar. A felicidade não está em tentar evitar a infelicidade. A felicidade está em se amar ao máximo. –Hector e a procura pela felicidade

Cada vez que você faz uma opção está transformando sua essência em alguma coisa um pouco diferente do que era antes. – C. S. Lewis

Nesta profunda aceitação de seu ser natural está a semente de sua transformação. E quando ela vem por si mesma, então é um crescimento. – Osho

É preciso estar preparado para tumultuosas e intermináveis ondas de transformação. – Elizabeth Gilbert

O tempo é muito lento para os que esperam
Muito rápido para os que têm medo
Muito longo para os que lamentam
Muito curto para os que festejam
Mas, para os que amam, o tempo é eterno. – Henry Van Dyke

Filme: Questão de Tempo

“SÃO TEMPOS DIFÍCEIS PARA OS SONHADORES”

Filme “O Fabuloso Destino de Amélie Poulain”

Tempos difíceis… ” Por que será que eu não consigo escrever?, eu olho em volta vejo milhares de histórias”, li esta questão em umas das páginas que sigo, e me vi também fazendo a mesma pergunta e por enquanto não encontrei nenhuma explicação ou resposta e desde então me sinto até desapontada comigo mesma por não chegar a lugar algum.

Um escritor.. ele pensa, sente e logo então escreve, é a junção de sentimentos, pensamentos, idéias e até questionamentos, e muito do que observamos também. E às “palavras” quando escritas, ganham vôo.. elas dançam na ponta de nossos lápis !! E assim é com os pensamentos e as idéias, elas florescem em nossas mentes, se colocar isso em “cores”, veja isso como uma explosão de todas as cores mais vivas. Uma vontade pulsante de por tudo isto no papel, “por para fora”, esvaziar a mente o coração, bom pelo menos é assim que eu me sinto.

Foto dos meus rascunhos e escritas

Quando olho para o mundo a minha volta, eu observo às pessoas e suas ações, observo “a vida e tudo aquilo que tem vida”, leio os jornais, o suficiente para me manter informada e não morrer de tristeza! Os noticiários hoje ou melhor para não generalizar, algumas fontes apenas nos aterrorizam , só anunciam as desgraças deste caos que vivenciamos e nos deixam mais deprimidos, ansiosos e sem esperança!. Por isto eu só leio e vejo o que é necessário saber para se manter informada. No geral são muitas informações todos os dias, sobre assuntos de política, ciência, saúde, cidadania, educação e enfim, assuntos que são muito discutidos hoje, em redes sociais, no meio político, nos jornais, toda mídia em geral e principalmente na “boca do povo” que grita todos os dias por “Justiça” e outras coisas também.

É notável que há uma divisão no mundo, isto é um fato, e é esta divisão que gera às guerras, às discórdias a violência a desumanidade. Por estes dias eu peguei meu caderno de escrita, meu lápis e sentei… fiquei esperando uma resposta para tudo isso que estamos vivendo, para as coisas desagradáveis que leio e vejo observando às pessoas, e só me surgiu tristeza e mais nada.

Nós sempre tivemos a opção de “escolha”, de escolher nossa próxima atitude, o próximo passo. Temos a opção “ser pacífico” ou “ser violento”, “ser gentil” ou “ser arrogante”, “amar” ou “odiar”, “construir” ou “destruir”, “ser bom” ou ” ser ruim”. Nós escolhemos, e com base nestas escolhas somos definidos, personalidades são formadas, é o nosso processo de formação, mas a decisão de ser”é nossa. Eu fiz muitas escolhas em minha vida, algumas delas foram ruins ou até muito ruins infelizmente, mas eu aprendi com essas más escolhas, e nesta última fase até o momento eu escolhi “escrever”, decidi ser escritora no meu tempo livre, acho estranho ainda quando me chamam de escritora, porque comparado aos autores incríveis dos livros e poesias que já li, eu só sou uma amadora.. 🙂 eu escrevo o que sinto, o que observo, minhas idéias sobre às coisas, sobre minhas experiências.

Nesta minha escolha eu decidi não só escrever para esvaziar a mente, coloquei como objetivo.. ajudar as pessoas através da minha escrita, aqueles que necessitam de apoio, que se sentem sozinhos em determinadas situações, ou porque se sentem sozinhos na vida mesmo. Os que se sentem diferentes, os que sofrem com doenças psicológicas, as mesmas que resultam em suicídios ao redor de todo este mundo. Pessoas deprimidas, ansiosas, angustiadas, que sofrem com o passado o presente e o futuro. Pessoas que estão passando por um processo de transformação ou de formação e que precisam todas elas, dividirem suas experiências, e encontrar forças e apoio para continuar. Como uma motivação, uma inspiração, eu sempre faço questão de usar citações ou mesmo usar histórias de artistas, filósofos, sociólogos, psicólogos poetas, cientistas, autores bíblicos e sempre mencionando o Amor de Deus por nós seus filhos, para que se sintam amados e queridos e que se amem também. E foi sempre usando doses de amor, de esperança, sabedoria e tantos ensinamentos sobre a vida, que eu quis ajudar as pessoas a fazerem boas escolhas, buscarem por ajuda, buscarem uma versão melhor de si mesmas e a valorizarem o que há de bom e verdadeiro nesta vida.

Eu não sou e nem desejo ser melhor que alguém neste mundo, pois eu mesmo faço o possível para seguir o que escrevo. Eu só não posso, falar ou escrever sobre empatia e não praticar empatia no dia a dia, não é só pregar é exercer o que prega. E sou alguém em busca da minha melhor versão, decidindo o meu próximo passo, minha próxima escolha e por isto eu tento sempre nestas horas lembrar de seguir meus próprios conselhos. Até mesmo os mais difíceis para mim como “Perdoar”, estou trabalhando está questão em mim, exercer mais o perdão para que as mágoas e os ressentimentos possam ir embora, quando perdoamos e somos perdoamos tudo isto se vai, é necessário deixar o passado para viver o presente não é mesmo?!. Somos humanos e erramos, pois somos falhos, porém decidimos se aprendemos com estes erros ou continuamos sempre com a mesma desculpa de que errar é humano. Talvez falte humanidade nas pessoas, porque “ser humanotodos nós somos.

E quantas vezes eu me pergunto, por que escolhem a maldade? O ódio, violência, o desamor e tudo aquilo que destrói?!. As pessoas estão sempre reclamando que desejam um mundo melhor para se viver, mas a maioria delas sequer pensam em algum momento rever e mudar suas atitudes. Se queres uma mudança, comece por você, a mudança começa a partir de nós. O que penso muitas vezes, é que parte disto tudo que estamos vivendo, é resultado da maldade do próprio ser humano, é como se a terra tivesse implorando por socorro , é o ser humano a pior contaminação do mundo, destruímos o nosso próprio planeta, a nossa própria terra e todo ser vivo que existe nela.

Nestes últimos dias, li uma triste notícia sobre um ato violento e doloroso de racismo e a consequência deste ato, violência, pessoas saqueando os comércios, incêndios, foi um grito por “Justiça”, pela luta contra o racismo e nem da pra acreditar que ainda nos tempos de hoje existe isto. Mas, infelizmente cai na besteira de ler os comentários e não parei mais, milhares de comentários sobre os atos de violência, disseram “foi lindo”, “um orgulho”. Na minha opinião isto é um horror, vencer uma causa, com mais violência, roubos, incêndios não é algo para se orgulhar, por que não lutar com sabedoria, vencer com a verdade, com as mãos limpas e com amor ?!. A maldade não muda o mundo e eu não consigo ver algo bom nisto. E me perdoem se estiver errada, mas é o que penso.

O homem tem que estabelecer um final para a guerra, senão, a guerra estabelecerá um final para a humanidade.” – JOHN FITZGERALD KENNEDY

A guerra é sempre uma derrota da humanidade.”João Paulo II

“A violência jamais resolve os conflitos, nem sequer diminui suas conseqüências dramáticas.” – João Paulo II

Que ninguém faça ilusões de que a simples ausência de guerra, ainda que sendo tão desejada, seja sinônimo de uma paz verdadeira. Não há verdadeira paz senão vier acompanhada de equidade, verdade, justiça e solidariedade.” – João Paulo II

“O homem nasceu na barbárie, quando matar a seu semelhante era uma condição normal da existência. Se lhe outorgo uma consciência. E agora chegou o dia em que a violência para com outro ser humano deve ser tão abominável como comer a carne de outro.” – MARTIN LUTHER KING

“A guerra é a maior praga que assola a humanidade; destrói a religião, destrói as nações, destrói famílias. É o pior dos males.” – MARTINHO LUTERO

Se matamos uma pessoa somos assassinos. Se matamos milhões de homens, celebram-nos como heróis.”- SIR CHARLIE CHAPLIN

E ouvireis falar de guerras e rumores de guerras; olhai não vos perturbeis; porque essas coisas devem acontecer; mas ainda não é o fim. Porquanto se levantará nação contra nação, e reino contra reino: e haverá fomes e pestes, e terremotos em vários lugares. Mas todas essas coisas são o princípio das dores.”- JESUS DE NAZARÉ

Há uma inexistência de palavras muitas vezes, pois dor é um sentimento constante aqui dentro, se lágrimas pudessem ser descritas ou escritas eu teria milhares agora, no lugar daquela explosão de cores, há muitas interrogações, exclamações, muitos por quês, e por isto eu peço perdão a vocês pela minha ausência.. estou tentando lidar com essa bagunça aqui dentro. Pedindo a Deus sabedoria para estes dias, que não me falte fé e muito menos Amor… pois é o Amor que me move e me faz sentir viva!! Amor pela vida e por Jesus que é o princípio deste Amor, pelas pessoas , pelo o que eu sou, por este mundo mesmo em meio ao caos, pois é possível encontrar amor na natureza, nos animais, é possível achar o amor nas coisas simples da vida, que fazemos , nós detalhes e isso que me move, sou feliz por olhar e sempre encontrar Amor. Eu não desejo entristece-los com histórias tristes, quero continuar com minha luta em ajudar aqueles que necessitam, levar a esperança e o amor de sempre.

Dizem que aqueles que lêem muito, os que escrevem e brincam com as palavras transformando em lindas poesias e canções, os que pincelam às telas em branco fazendo uma dança com as cores mais vivas e que se transformam em lindas obras de arte, aquelas mesmas que penduramos em nossas paredes mas nem sabemos o que se passa por de trás delas. Enfim, dizem que todos estes são os que sentem demais , os observadores, os tristes e os felizes, os que fazem das tristezas as mais belas canções, artes, poesias e até uma linda dança.

É nestes dias sombrios, nestes tempos difíceis que sentimos muito mais até do que desejamos sentir. O suficiente para que nossos corações e mentes se acelerem por vez ou outra, mas é porque nós também somos humanos, mas muito mais “humano” do que só um ser neste mundo. São tempos difíceis, mas tenho fé que vamos tirar o melhor disto tudo, e que não nos falte mais amor, esperança e humanidade.

Talvez seja difícil compreender indivíduos que carregam tanta paixão dentro de si, pessoas que não se contentem em ser apenas mais uma etapa de uma produção em série. Os sonhadores não se contentam com o mundo como ele é, porque isso é sempre a decisão mais cômoda. Sonhadores não se satisfazem apenas copiando o mundo, pois eles possuem magia e esta lhes permite a audácia de construir novos mundos. A bem da verdade, não é fácil ser um sonhador em um mundo tão pragmático, onde as emoções são apresentadas no plano cartesiano, como se tudo que sentíssemos pudesse ser mensurado através de fórmulas matemáticas. Não é fácil porque toda vez que decidimos alçar vôos mais altos, tratam de cortar as nossas asas, já que quem caminha uma vez pelo céu, jamais vai se contentar com o interior de uma gaiola. (Erick Morais)

“Enquanto houver um louco, um poeta e um amante haverá sonho, amor e fantasia. E enquanto houver sonho, amor e fantasia, haverá esperança”. (William Shakespeare)

O mundo é grande, a vida é curta, o tempo é breve. (Antonio Francisco)

O tempo passa depressa demais e
a vida é tão curta. Então — para que eu não seja engolido pela voracidade
das horas e pelas novidades que fazem o tempo passar depressa — eu
cultivo um certo tédio. Degusto assim cada detestável minuto. E cultivo
também o vazio silêncio da eternidade da espécie. Quero viver muitos
minutos num só minuto.
in Um Sopro de Vida (Clarice Lispector)

Não duvide do valor da vida, da paz, do amor, do prazer de viver, em fim, de tudo que faz a vida florescer. Mas duvide de tudo que a compromete. Duvide do controle que a miséria, ansiedade, egoísmo, intolerância e irritabilidade exercem sobre você. Use a dúvida como ferramenta para fazer uma higiene no delicado palco da sua mente com o mesmo empenho com que você faz higiene bucal. (Augusto Cury)

Tem sido dias difíceis para todos nós, o tempo se acostumou a correr, e sei que esse é o desespero de muitos. Aquela sensação ruim de que perdemos metade de um ano, e não somente o ano, são vidas sendo perdidas, laços sendo desligados , desfeitos, muita dor, angústia e o tempo e a vida sendo perdidos para muitos de nós. Durante estes dias, semanas, e agora meses, tivemos muito tempo para pensar sobre o valor que tem “a vida”, não só a nossa, mas a de todo “ser humano e ser vivo” deste mundo. Hoje, nem o dinheiro ou os bens materiais pode nos beneficiar ou nos diferenciar perante a esta doença, que não escolhe classe social, cor ou comunidade. Somos todos iguais e nossas condições também são , dependemos uns dos outros, e acima de tudo precisamos ser conscientes.

Sei que manter a sanidade e o equilíbrio nestes dias de quarentena, tem sido muito difícil. Para aqueles que sofrem de ansiedade, depressão, síndromes, que são doenças psicossomáticas, está crise , é como uma bomba prestes a explodir torturando a cada toque do relógio. É uma tortura angustiante, dói, e a sensação é como se fôssemos morrer a qualquer momento, a angústia invade o nosso peito de uma forma que nos falta o ar para respirar. É triste, e por isto é necessário ser forte, é necessário se ajudar e buscar ajuda neste momento, pois sabemos que não somente o vírus, mas tantas outras doenças, são responsáveis por tantas mortes que continuam acontecendo. O mundo pede por socorro, e nós podemos salvar vidas, não só as nossas, mais muitas vidas.

Fazendo a nossa parte, cuidando da nossa saúde, de nossas famílias e ajudando as famílias necessitadas. A fome é uma realidade e não só passou a existir agora, mas esta pandemia fez com que isto realmente fosse levado a sério. Ninguém deseja morrer de fome, e quando nós pensamos em nossos familiares, não queremos que a dificuldade a dor atinja eles, e só de imaginar, já nos aperta o peito. Somos tomados pela culpa, por que será que nunca pensamos nos tantos homens, e mulheres, crianças, idosos, famílias que morrem de fome, de desnutrição todos os anos? São humanos, como nós, famílias como as nossas, uma simples ação, uma doação, um ato de amor, de solidariedade é capaz de mover , de mudar o mundo. Demorou muito para que a empatia, o amor pelo próximo, a solidariedade, fosse compreendido de verdade, e só compreendemos porque também estamos sujeitos a passar pelo mesmo, é a empatia fazendo efeito, se colocar no lugar do outro. Então, não espere nunca um momento específico para ser gentil, ser solidário, empático, se você puder ajudar faça isso de coração e o mundo agradece, precisamos de boas ações, de bondade de amor e não por determinado tempo mas por tempo indeterminado, sempre.

Ajude os doentes, os ansiosos, depressivos, que sofrem de alguma doença psicólogica, mesmo com distanciamento, conversem, compartilhem suas idéias, façam vídeos chamadas, liguem, escrevam, cantem. Tivemos notícias recentes de suicídios, as pessoas, se sentem sozinhas, abandonadas, eu sei como essas doenças invadem os nossos pensamentos, o nosso subconsciente, e como tira a alegria, o ânimo e a vontade de viver. Mas, não é esta a verdade, existe uma cura para todas essas doenças , e essas pessoas precisam saber o quanto a vida é importante, que a esperança vive, e que há muito para se viver, e mesmo que elas não encontrem o amor, em suas famílias ou relacionamentos, elas podem e devem se amar, terem amor pelas suas vidas, e que existem pessoas que estão dispostas a ensinar, ajudar a encontrar este amor e os melhores remédios naturais da vida para estas doenças. E a arte é uma delas, a dança, a música, as pinturas, artesanatos, a escrita e toda forma de arteterapia. Ela é leve, doce, e calma como uma poesia, tem o poder de curar, é uma calmaria nesta tempestade em que estamos passando.

Seja qual for a sua crença, acredite que ela é importante. Eu particularmente acredito em Deus e tudo que provém dele, acredito em suas escrituras e claro que ainda continua operando milagres. Assim como acredito na ciência, e que o mesmo Deus é quem capacita os homens com força, sabedoria, paciência, conhecimento, para que busquem uma possível cura para esta doença, e tantos outros meios já avançados da medicina que ajudam na melhoria de algumas das doenças já existentes. Digo isto, pois eu ouvi em algum lugar, alguém fazendo com que as pessoas ensinassem os seus filhos a acreditarem somente na ciência, e dizendo que ser dependente emocionalmente de Deus era totalmente errado , eu discordo deste pensamento, o amor de Deus é tão importante quanto ter conhecimento, e ser sábio é saber discernir. Se compararmos a Dependência Emocional com o amor ágape, o amor do tipo de Deus, podemos perceber com clareza a diferença entre a dependência e amor.

Amor Ágape

É derramado pelo Espírito Santo em nossos corações

É paciente e benigno, Não arde em ciúmes

Não se ufana, não se ensoberbece

Não se conduz inconvenientemente

Não procura seus próprios interesses

Não se exaspera (irrita)

Não se ressente do mal

Não se alegra com a injustiça, mas regozija-se com a verdade

Tudo sofre, Tudo crê

Tudo espera, Tudo suporta

Dependência emocional

Surge a partir de carências emocionais não tratadas

É extremamente impaciente e pode prejudicar as pessoas envolvidas

Preocupa-se com aparências e necessita ostentar a todos que há uma intimidade e familiaridade, necessita marcar território

Necessita de recompensas e está sempre esperando por elas, caso não aconteça pode cobrá-las.

Não reconhece limites, podendo deixar terceiros constrangidos em sua presença.

Irrita-se com facilidade.

Não se preocupa se outras pessoas estão sendo prejudicadas por causa de sua dependência, tem forte tendência à manipulação, não consegue enxergar a si mesmo, a outras pessoas e circunstâncias de forma realista.

É desconfiado

É imediatista

Não aceita ser contrariado, o que pode levar a pessoa a cometer suicídio ou mesmo assassinato.

Quando compreendemos o verdadeiro amor, tudo que é falso amor em nossas vidas é desmascarado. Enfim, o Amor e a dependência emocional de Deus é algo que transforma, traz paz, paciência, sabedoria, mansidão e precisamos disto em tempos difíceis não é? Ter fé não é nenhum pecado! Depender de um Amor que é capaz de transformar vidas, curar, salvar não é nenhum pecado é? Pelo contrário é um bem para vida. Mas, os meus filhos terão o livre árbitro para escolherem em que e o que acreditarem, mas, devo contar a eles sobre o AMOR e sobre a maior prova de amor e única que nos foi dada.

O Amor deve ser compartilhado sempre. A vida nos ensina muita coisa, e ela tem feito isto surpreendentemente, quanto mais o tempo passa, mas nós queremos correr, andar, respirar, tocar, abraçar, gritar ! Nós descobrirmos o quanto amamos às pessoas , a vida e o lugarzinho que vivemos, o quanto sentimos falta de viver ! De poder caminhar tranquilos, e respirar sem medo, de sentir o sol, as gotas pesadas da chuva, sentimos falta do vento soprando as árvores, as folhas caindo, de ler um livro em algum lugarzinho. Sentimos falta daquele toque das mãos, do abraço apertado, do beijo e de tudo que fazia parte da nossa rotina. A vida é um presente!! Ficar em casa tem sido tão ruim porque, só agora descobrimos o quanto amamos á nossa vida.

Por isto eu com toda certeza digo que é importante ter fé e acreditar que vamos vencer está batalha, vamos enviar mensagens de força e toda positividade para os médicos, cientistas, enfermeiros, e todos aqueles que estão na linha de frente lutando pela vida de todos nós e colocando suas vidas em risco . Eu oro sim por eles, e pelas vidas hospitalizadas, pelas famílias que perderam seus entes queridos ou que estão passando por isso. Que sejamos resilientes agora, e possamos sair desta melhores. Compartilhe Amor sempre. Seja gentil sempre e o mundo será melhor.

“Enquanto houver vida, há esperança ”

TORNA-SE AMÁVEL !

Seja uma gota de Amor nesse mar de ódio que habita na sociedade.

Nas últimas semanas, frequentemente tenho visto, discussões nas redes sociais sobre este momento difícil. É uma tempestade que todos estamos passando, cada um de nós com suas dificuldades, algumas um pouco mais complicadas, mas a crise chegou para todos e é um fato. Outro fato é a desigualdade, ela também existe, ou melhor sempre existiu, e tem se intensificado ainda mais entre nós, e as discussões sobre isso tem gerado muitos discursos de ódio, e eu particularmente não compartilho destes mesmos pensamentos.

Todos aqueles que me acompanham, e me conhecem sabem o quanto eu sou a favor de um mundo melhor, e eu tento pregar isso aqui passando boas mensagens, sobre ser gentil, empático, honesto, verdadeiro e sobretudo ser Amor, o quanto você se preocupa consigo mesmo e se ama também deve ser assim com o seu próximo. Uma vez não me lembro em qual dos textos, eu expliquei sobre o meu pensamento sobre a passagem bíblica tão importante;

Ame o Senhor, o seu Deus de todo o seu coração, de toda a sua alma e de todo o seu entendimento”. (Este é o primeiro e maior mandamento.) E o segundo é semelhante a ele: ‘Ame o seu próximo como a si mesmo’. (Mateus 22). Meu pensamento ainda continua o mesmo, eu entendo que; para que possamos amar alguém verdadeiramente, nós precisamos amar a nós mesmos primeiro, por isto eu vejo desta maneira “a pessoa mais próxima a mim sou eu mesma, depois o meu próximo”, e por que estou falando isto?. Se amar não é egoísmo, torna-se EGOÍSMO quando esse Amor só gira em torno de si mesmo, não é multiplicado, dado, quando pensa só em si mesmo. Agora quando conhecemos esse amor, a mesma preocupação e amor que temos pela nossa vida, nós também temos pelas outras vidas.

Compaixão, amor, solidariedade, empatia, gentileza, essas sim devem ser compartilhadas entre nós. Pequenas atitudes, atos de amor, de bondade, de compaixão são capazes de mudar o mundo. Sei que o problema é o vírus, mas a solução pra que essa tempestade passe logo, é nós nos unirmos tendo boas ações , não só pela nossa nação mas pelo o mundo. Eu vejo pessoas se insultando, cada um querendo ter a sua razão compreendida mas, com discursos de ódio, pregando a raiva, e não é disso que estamos precisando no momento.

Há uma divisão aonde deveria haver uma união.Cada dia trancados em casa nos ensinou muito e acredito que vai nos ensinar ainda mais. A vida é importante, e não só a sua vida, todas as vidas são importantes. A VIDA DE TODOS NÓS SEMPRE FOI IMPORTANTE, não é só por agora, não pode ser só por um tempo. Eu vejo também discussões sobre “A FOME”, que pessoas vão morrer de fome, os ricos estão em suas mansões, enquanto os pobres estão com os armários vazios, e os mendigos nas ruas o que serão deles?MAS CARAMBA A FOME, A DESIGUALDADE SEMPRE EXISTIU ! A fome atinge mais de 820 milhões de pessoas no mundo no ano. O fato é que, somos nós que precisamos rever nossas ações, o que temos feito por causas como estas?, Rever nossas ações e sairmos desta situação mais HUMANO, pessoas melhores, curados não só de uma doença, mas da cegueira que nos impede de enxergar a realidade, que precisamos ser amáveis uns para com os outros.

Anne Frank disse: “Como é extraordinário ninguém precisar esperar um momento específico para melhorar o mundo.” Sempre achei incrível a forma como Anne pensava mesmo em meio ao caos, para quem não conhece a história, Anne Frank foi uma jovem alemã de origem judaica vítima do holocausto, que passou dois anos escondida com a família em um anexo secreto. Em dois anos Anne, escreveu no seu diário os pensamentos mais incríveis sobre si mesma, sobre bondade e sobre o mundo. O fato é que assim como Anne, eu penso que não é preciso esperar um momento específico para ser gentil, para se praticar a bondade, a empatia o ” Amor ao próximo”.

Hoje diante desta crise, nossos artistas, estão se unindo fazendo as famosas lives, todos juntos com o próprosito de ajudar as pessoas e os setores mais afetados, arrecadando alimentos, mais equipamentos para os hospitais, cursos e enfim é um ato de bondade e eu apoio. Mas, se existe a possibilidade de ajudar, este movimento tão bonito, e bondoso deveria continuar após tudo isto passar. A fome vai continuar, a pobreza , a desigualdade, mas se existem chances de ajudar, este ato ao menos uma vez ao mês não sei deveria ser feito. E nós, todos nós, se pudermos ajudar, seja com doações de alimentos, roupas, dinheiro, também devemos fazer isto. São vidas e vidas são importantes, acho que a responsabilidade não deve ser somente do governo, cada um tem que fazer sua parte como ser humano, para melhorar o mundo.

Albert Einstein disse: ” O mundo não será destruído por aqueles que fazem mal, mas por aqueles que assistem sem fazer nada”. É a nossa atitude que muda tudo, ficar nas redes sociais fazendo discurso de ódio não é uma solução, é só o começo de uma destruição. Compartilhe amor.

Eu tenho pensado muito sobre a minha vida aqui, sobre a vida das pessoas, tudo que eu desejo é que isso passe, é certo que cada dia em casa.. Deus tem me ensinado muitas coisas. Já chorei porque não posso ir para rua e caminhar, e ver as árvores, chorei porque milhões de pessoas perderam seus empregos, chorei porque não posso abraçar ninguém e inclusive estou chorando agora, e acho que acima de tudo talvez Deus queira que a gente entenda o valor destas pequenas coisas. Não poder abraçar, tocar, tudo aquilo que você ama dói. As pessoas estão morrendo e não podem se despedir dos seus filhos e os filhos dos seus pais, elas apenas se vão com a dor de não ter se despedido. Então .. não espere a partida, ame agora, mude agora, seja gentil agora. Podem me chamar de louca mas é por isto que eu prego tanto o Amor, pois sem amor nós não somos nada, e não sei Deus talvez tenha sentido a mesma dor, a falta desse amor no mundo dói, a frieza, a maldade machuca e destrói. Não há nada mais incrível e maravilhoso do que o Amor, e mesmo nesta infelicidade que estamos vivendo eu continuo tendo fé que ele pode curar o mundo.

Hoje pela manhã eu li esta reportagem do Príncipe Charles e achei sábias suas palavras.

Seja amoroso, bondoso, educado e respeitoso, empático, gentil tenha compaixão. Torne essas características presentes em sua rotina. As pessoas em sua volta serão influenciadas pelo mesmo comportamento. É dessa forma que tornamos o mundo um local melhor. Esta é a mensagem que eu deixo para vocês hoje e espero que tenham gostado, que as suas almas não sejam contaminadas pelo desânimo que anda poluindo o ar de nossas vidas. Tenham fé em Deus, tenham fé na vida, tenham esperanças e tenham a princípio muito Amor em seus corações.

“A adversidade pode ser uma benção.”— Anne with an E

É normal que eu comente em meus textos sobre alguns dos livros que já li, que eu use citações de poetas, filósofos e artistas. Os livros são para mim como meus grandes amigos, meus companheiros diários, e talvez seja assim para todo escritor. Não leio somente para obter mais conhecimento sobre as coisas, mas porque a leitura me leva a um estado de paz, me traz leveza e a doce sensação do conforto de “estar em casa”. O “Lar” que eu cito aqui não é uma estrutura, mas um lugar onde encontramos conforto, paz e equilíbrio, a leitura e a escrita, é o que eu chamo de “meu lar”. 🙂

Hoje eu não quero apenas comentar, mas escrever sobre “Anne with an E”, para quem desconhece, é uma série que se origina do livro Anne de Green Gables, escrito por L. M. Montgomery. Por que escrever sobre uma série? Eu li muitos livros, incontáveis, assim como assisti a muitos filmes e séries, mas nunca nenhum outro livro, filme ou série me tocou tanto, me ensinou tanto como Anne. Existe aquele velho ditado “não julgue o livro pela capa”, e foi assim, pela personagem ser uma adolescente, eu esperava que fosse mais como um “conto de fadas”. Anne, ironicamente me trouxe uma série de aprendizados que eu jamais esquecerei, uma história de Amor, compaixão e coragem. Há sempre muito o que aprender em todas as etapas de nossas vidas, a verdade é que a sempre algo para se descobrir, conhecer, aprender. A vida é cheio de surpresas, e a maneira que ela nos ensina é mais surpreendente ainda. Enfim.. mas, para quem desconhece tanto o livro quanto a série, aí vai um resumo da querida Anne de Green Gables.

“Anne With An E” (Anne com “e” em português) é umas das novas séries produzidas pela Netflix, que se origina do famoso livro Anne de Green Gables, escrito por L. M. Montgomery em 1908 e que foi um sucesso mundial mesmo em sua época. A série conta a história dos irmãos Marílla e Mathew Cuthbert e da pequena Anne Shirley. Tudo começa quando os irmãos Cuthbert decidem adotar um menino órfão para ajudar nos afazeres da fazenda, porém, os irmãos são surpreendidos quando, ao invés de um garoto, quem aparece é uma menininha de cabelos vermelhos, sardas e uma mente brilhante que depois de passar por tantos lares adotivos está maravilhada por finalmente ter uma casa. A pequena garota e sua imaginação irão transformar a pacata vida dos Cuthbert e da pequena cidade de Avonlea para sempre.

Irmãos Marílla e Mathew Cuthbert pais adotivos de Anne.

Podemos ver também o gosto de Anne pela leitura, a garota acha em livros, como Jane Eyre, um refúgio diante da realidade desgostosa que vivia. Para deixar a série ainda melhor são tratados temas seríssimos, como o racismo, feminismo, escravidão e ganância, mas principalmente a história ensina sobre compaixão, amor e para a pequena Anne a sensação de finalmente ter um lugar para chamar de lar e pessoas para chamar de família.

“Liberdade de expressão é um direito humano”

A série nos traz muitos aprendizados, principalmente no que diz respeito a forma em como lidamos com a vida, mesmo se tratando de uma história que se passa o final do século 19. Anne me fez relembrar parte da minha história, por anos durante a minha infância, adolescência e até parte da minha juventude eu sofri tentando achar um lugar nesta sociedade no qual eu me encaixasse. Para a maioria das pessoas, eu era um criança incomum, adolescente incomum e até hoje ainda ouço alguns comentários maldosos. O que significa ser incomum? É Ser diferente, ser diferente do que esperam que você seja, é ter sua própria essência. Não só por isto, assim como Anne, eu fui julgada pela minha aparência por não ter a beleza padrão das outras crianças, logo depois das outras mulheres. Sofri, não tive muitos amigos, e logo cedo tive que aprender o que é “ser sua própria companhia”, e como consolo, eu me refugiei nos livros, na escrita e na minha fé em Deus. Me lembro que conversava muito com Deus, como se realmente estivesse conversando com um amigo, mesmo sendo criança, sentia que ele estava mesmo me ouvindo. Uma daquelas lembranças que nos fazem chorar, que toca a alma. Cada episódio de Anne que assistia, era como se eu estivesse revivendo a minha própria vida, a sensação era como se minha vida que estivesse sendo contada, me conectei não somente com a série, mas com a personagem protagonista “Anne” e outros personagens, em vários momentos, foi muito impactante.

Mas quando olho para o meu passado, e todas as lutas que tive de enfrentar, não desistir foi a escolha mais corajosa que eu fiz nesta vida. Talvez se eu fosse diferente do que sou, não estaria aqui escrevendo, incentivando pessoas a não desistirem também. Então, Graças a Deus por “Ser Incomum”, eu nunca quis limitar meus pensamentos, minhas idéias, meus sentimentos. Posso não ter sido a “criatura mais bela “, mas graças as adversidades, eu descobri que a beleza não se limita somente ao que podemos ver com esses olhos, mas ela reside nas palavras ditas com amor, em uma mente brilhante, em um coração bondoso. E por isso me conectei tanto com Anne, ela é julgada pela aparência e para todos, não é digna de ser amada por alguém, quando tudo que ela já tem é o Amor, um amor pela vida. Por ser diferente, e sonhadora, ninguém acredita que ela consiga ser alguém, mas são suas diferenças que faz com que a história de uma comunidade inteira mude, evolua, as adversidades não a pararam.

É de se esperar que foram rios de lágrimas que surgiram dos meus pequenos olhos, e que eu me perguntei diversas vezes por que nunca quis ler ou comprar este livro. Mas já fiz a minha encomenda, sem dúvidas, acho que existe um momento certo para todas as coisas, e até para estas pequenas coisas que nem imaginamos que vai nos causar tanto impacto, mas um impacto bom claro. Todo o aprendizado nos acrescenta, assim são as adversidades, uma vez disse que só temos o prazer de conhecer a Felicidade, porque tivemos que sentir primeiro a tristeza, as frustrações fazem parte da vida. Mas, a vida não é somente frustrações, tudo que aprendemos no percorrer deste tempo em meios aos desafios, é para que possamos nos tornar pessoas verdadeiramente “BOAS”. O propósito é ser bom, e não só para si, mas para todos, é ter compaixão pelas pessoas, empatia, é aceitar as diferenças, é não limitar o Amor, porque o Amor transforma, e o mundo não poderia existir sem um ato de Amor, de bondade, solidariedade, nós necessitamos de Amor e precisamos um dos outros.

Se vocês são julgados hoje “incomuns”, por amarem demais, sonharem , por terem sede de conhecimento, pela arte, por terem sede pela vida, e por tudo que é belo e inspira, se são julgados pela aparência, pelas diferentes idéias e opiniões e pelo desejo de mudar o mundo. Eu peço a vocês não mudem!! Sejam então o Incomum, e sejam os faróis deste mundo!. Nos ilumine com a beleza das suas mentes, almas e corações, não desistam, mas se descubram a cada novo dia. Como dizia Raul Seixas ” prefiro ser essa metamorfose ambulante, do que ter aquela velha opinião formada sobre tudo” Sejam como metamorfoses. Abracem suas transformações.🦋🌻♥️

Se vocês ainda não leram ou assistiram essa maravilhosa história, recomendo que assistam e leiam, não tenho dúvidas que irá tocar seus corações. Para finalizar, algumas das frases inspiradoras desta série. ❤️

A vida é curta e o mundo é grande.”

“A vida tinha tantas cores através dos olhos dela. Isso coloriu o meu mundo para sempre.”

“Acredito que há sempre algo bom para aprender nas situações. Mesmo as ruins. Eu acho que constrói caráter.”

Adoro contemplar o horizonte e imaginar as possibilidades.”


Há coisas mais importantes do que a beleza.”

Ler pode salvar sua vida.”

Me diga e eu esqueço, ensine-me e eu lembrarei. Envolva-me e eu aprenderei.”

Não é o que o mundo reserva pra você, mas o que você trás para o mundo.”

Não há um caminho certo na arte ou na vida. Às vezes, não há nenhum caminho e você deve demolir paredes e esculpir o seu caminho através das madeiras para chegar onde precisa.”

O diferente não é ruim. Ele só não é mais o mesmo.”

Os sonhadores mudam o mundo. Mentes curiosas nos impulsionam pra frente.”

Grandes palavras são necessárias para expressar grandes ideias.”

“Apenas agradeça a Deus pelas suas bênçãos. E peça, humildemente, as coisas que deseja.”

“Às vezes a vida esconde presentes nos lugares mais sombrios.”

Eu vim para a feliz opinião evolutiva que sou incomum e eu a abracei.”

Não importa o que você descubra do seu passado, bom, ruim ou indiferente, saiba que você já é o bastante, tal como é agora.”

A mudança de uma nova estação traz possibilidades, e todos nós não merecemos isso? Um novo começo, ou a sensação de um, pelo menos.”

UMA DOSE DE ESPERANÇA!

E não somente isto, mas também nos gloriamos nas tribulações, sabendo que a tribulação produz a paciência; e a paciência, a experiência; e a experiência, a esperança. (Romanos 5: 3-4)

No ano passado, em dezembro eu me lembro que eu escrevi alguns textos motivacionais sobre mudanças, recomeços, como seguir em frente, carpe diem(viva o momento), sobre a importância de fazer o bem, se reinventar enfim. É claro que o que nós desejamos, é que os nossos dias sejam melhores, felizes, desejamos saúde para todos, desejamos ter momentos de paz de alegria, queremos sorrir, mas sorrir junto com as pessoas que amamos que compartilhamos esses momentos de alegria, é o que o nosso coração deseja, e naquela virada de ano principalmente. DEUS QUE ESSE ANO SEJA MELHOR !

Quando escrevi aqueles textos eu desejei também que este ano fosse melhor para todos nós, mas também em todos os textos coloquei um pouco de experiências minhas, citações bíblicas, de autores, artistas, filósofos, poetas enfim, para mostrar que os processos mesmo sendo dolorosos, nos deixam sempre algum tipo de aprendizado. Só aprendemos a ter esperanças por exemplo, quando estamos exatamente passando por alguns destes processos. É fácil ter esperanças quando tudo é lindo e estamos felizes, ao contrário disto é um aprendizado, precisamos aprender a ter esperanças, a sermos positivos, quando nada vai bem, e é o que estamos vivendo agora.

Estamos vivendo um momento difícil, uma doença invisível levando milhares de vidas pelo mundo inteiro, separando famílias, deixando somente a dor o vazio. Ainda nos questionamos, queremos respostas, o mundo girou de ponta cabeça, o nosso inimigo descobriu nosso ponto fraco que são as pessoas que amamos, nossos pais, avós, filhos. Gerou sérios problemas na economia, que não é nossa culpa claro, fizemos nossa parte como cidadãos, mas ainda sim perdemos os nossos tão sonhados empregos, e nos preocupamos com o que comeremos, como vamos sobreviver a está crise. E ao mesmo tempo precisamos nos proteger deste inimigo invisível e ficar presos em nossas casas, sem tudo aquilo que talvez alguns ou a maioria de nós não dávamos valor.

Todos nós fizemos planos antes disto tudo acontecer, viagens, emprego novo, faculdade, abrir o próprio negócio, mudanças.. mas a crise veio, está aí e sabemos por alto por quanto tempo ela irá durar. Eu sei que isso afetou geral, e me afetou também , pelo fato de eu ser uma pessoa ansiosa, tem sido dias difíceis para mim, e por isto não escrevo mais com tanta frequência. Primeiro por não ter um notebook, escrevia no trabalho, mas agora no momento estou afastada, desempregada na verdade, e estou escrevendo pelo celular , é complicado mas a gente se adapta às mudanças. Segundo porque, quando escrevo preciso pensar em cada palavra, cada frase, parágrafo, ler e reler, preciso muito mesmo de silêncio para que me sinta conectada. E com a família em casa, crianças, barulho, é realmente muito difícil. Agora são 03:30 da manhã do dia 02 de Abril, e estão todos dormindo e finalmente eu consegui e não vou desistir daquilo que trouxe sentido para minha vida, á escrita faz parte de quem sou. Frequentemente estou tendo estás crises de ansiedade, não poder sair de casa é horrível, mas eu preciso fazer este sacrifício pela minha vida e pela vida das pessoas que eu amo que estão comigo aqui , e também as que estão lá fora, é um gesto de amor, de empatia , é você se importar não só com sua vida mas com a humanidade, o mundo.

Com certeza eu não planejei ter crises de ansiedade com tanta frequência este ano, mas já estou tendo um aprendizado muito grande que é ter o controle disto. Essa crise veio e nenhum de nós esperávamos mas ela nos deu com certeza mais tempo com nossas famílias, uma oportunidade de passar mais tempo com as pessoas que amamos. O tempo que vamos passar dentro de nossas casas pode gerar um certo estresse, ansiedade, depressão, aquelas pessoas já doentes tende a piorar e é por isso que a família agora é importante, conversar, fazer atividades juntos, um cuidando do outro, ajudando a melhorar. Minha família tem sido a base para o controle da minha ansiedade, e eu sou grata por me ajudarem tanto.

Quando abrimos os noticiários, recebemos milhares de informações, a maioria delas ruins infelizmente! E por isto eu particularmente decidi que só preciso saber o necessário, quase não ligo á tv, e o que eu quero e preciso saber pesquiso, que são notícias em tempo real e claro as notícias boas, sobre curas, melhoras nos quadros mais graves, mais testes chegando, testes sendo feitos, mais leitos e respiradores. Eu preciso alimentar a esperança, a minha e a das pessoas também ! Com boas notícias, acreditar que vidas serão salvas e que já estão sendo salvas, acreditar que venceremos os obstáculos desta Crise, que vamos vencer o inimigo invisível. Vai ser uma guerra perderemos vidas no decorrer dela infelizmente, mas vamos lutar para que muitas vidas sejam preservadas, não é somente o vírus que irá causar dor neste mundo e sabemos disto, outras doenças que falei aqui depressão, ansiedade, síndrome do Pânico que são porta para outras doenças, também podem causar muita dor e sofrimento.

E por isto eu peço aos artistas, escritores, poetas, músicos, com sua arte levem à estás pessoas a alegria, a esperança, preencham os vazios dos corações com a arte que reside em vocês, através das redes sociais, claro sem sair de casa, sendo exemplo, preservando vidas e salvando vidas também. A fome vai chegar para muitos, então pela segunda vez aqui eu falo, seja empático, faça o bem, pense nas outras famílias quando fizerem suas compras do mês, se puder e tiver condições de ajudar o seu próximo, uma família que necessita, não pense apenas ajude.Vamos vencer juntos.

Eu passei a enxergar o lado bom, e talvez você até me pergunte, pessoas vão morrer, existe um lado bom nisso ? a vida tem um valor sem igual, e é exatamente isto o que ela quer nos ensinar, a dar valor para as pessoas que amamos, passarmos mais tempo com a família, pois é a vida que importa hoje! Você pode ter todo dinheiro do mundo mas exatamente hoje, vai ter que ficar trancado em casa, e se você for um desses milionários que não têm família, ou vive longe dela, é provável que esteja sozinho agora, então o que vale o dinheiro? Passar a vida ao lado das pessoas que amamos, e mais, tudo isto nos ensina o quanto é importante o ar que respiramos, cada passo que damos, cada folha das árvores, a chuva, o sol, a lua, o soprar do vento e sem dúvidas o toque .. Ahhh o toque, você poder abraçar e ser abraçado, tocar tudo que você deseja tocar e sentir !!

A vida é incrível, nós não à merecemos, e Deus foi bom demais quando nos presenteou com ela, hoje eu olho pela janela tudo que desejo é tocar.. tudo que puder, abraçar tudo que eu amo, e gritar aos céus e agradecer a Deus, á vida e ao universo, pelo Ar, pela natureza, pela minha vida, pela vidas das pessoas que amo. O fato de saber que isso vai passar me traz a esperança de que eu vou poder viver, e vou viver melhor depois disto, é o que as experiências , os processos , ensinam, temos que sair desta com certeza como seres humanos melhores, entender a palavra “humanidade “, e sairmos humanizados. Vai doer, tá doendo e muito, “mas enquanto houver vida, há esperança”( Stephen Hawking). Enquanto há vida, há esperança. (Eclesiastes 9:4). A esperança é para todos, seja você cristão, ateu, católico, espírita, judeu, budista.. independente do que você acredita a esperança ela não escolhe um povo, uma religião é você que pode adquiri-la de bom grado. Ela nasce dentro de nós, nos lugares vazios, mais sombrios, é exatamente o brotar de uma flor no deserto, assim ela se faz em nós.

E agora para dar mais sentido, novamente eu coloco estes versículos para finalizar e peço a vocês que não desistam, tenham esperanças! Tenham fé! Haverá dias de alegrias ! Vamos vencer ! Estamos juntos ! Sempre juntos ! ❤️🦋🌻

E não somente isto, mas também nos gloriamos nas tribulações, sabendo que a tribulação produz a paciência; e a paciência, a experiência; e a experiência, a esperança. (Romanos 5: 3-4)

COVID-19: Vamos nos Conscientizar!

Bom faz pouco mais de uma semana que não escrevo, à escrita para mim é uma arte, e como toda arte tem seus dons terapêuticos à escrita tem sido isto para mim,uma terapia. Com ela eu consigo expressar a minha própria arte, me redescobrir e claro expressar meus pensamentos sobre a vida, sobre os sentimentos, mas com a única e verdadeira intensão de ajudar, com tudo que aprendi ao longo da minha jornada. Peço-lhes desculpas pela minha ausência, que desta vez foi devido a uma crise intensa de ansiedade, eu estou acostumada a escrever sobre estas doenças e como controlá-las, pois eu convivo com isto quase que diariamente e é uma luta, mas é possível sim alcançar um estado de paz, de equilíbrio. A ansiedade infelizmente faz com que nossos pensamentos se acelerem ao ponto de perdemos total controle e chegarmos ao estado de pânico, medo, angústia, enfim o que nos desestabiliza e nos impede de respirar com calma e raciocinar. É horrível, e foi exatamente o que eu senti, eu precisei de alguns dias e principalmente de apoio até encontrar a paz que necessitava e me manter em equilíbrio novamente.

Quando o meu pânico passou, me deparei ou melhor eu caí na real, as vezes a gente acha que algumas coisas são pequenas e passageiras e na verdade são bem mais complicadas do que realmente imaginamos, então eu vi o mundo em estado de alerta. Covid19 o novo vírus, espalhado agora pelo mundo inteiro, se proliferando e o verdadeiro pânico estampado no rosto das pessoas, cidades históricas desertas, hospitais sobrelotados, pessoas morrendo, outras sendo deixadas para morrer e mais outras mil sendo infectadas, fronteiras sendo fechadas, supermercados vazios, medidas, decisões sendo tomadas, novas descobertas da contaminação e o mundo inteiro em estado de pânico.

Soube exatamente sobre o que escrever, o mundo necessita de nós agora, precisamos um do outro e agora é hora de por na prática tudo que lemos, ouvimos, escrevemos sobre empatia e conscientização. Estamos em tempos difíceis, a maldade é tudo que vemos hoje, suicídios, depressão, ansiedade, violência, há uma ausência significativa de Amor de empatia pelo próximo. Eu não sei no que vocês acreditam, mas eu vejo toda essa situação atual como um despertar, um grande sacode seja do universo, de Deus, da ida ! para que possamos agir verdadeiramente com bondade e com amor nessa hora.

Enquanto há vida, há esperança. (Eclesiastes 9:4)

Não importa quanto a vida possa ser ruim, sempre existe algo que você pode fazer, e triunfar. Enquanto há vida, há esperança. (Stephen Hawking)

Eu coloquei estas duas citações, pois Stephen não acreditava na existência de um Deus mas tinha esperanças na “vida”. Particularmente a minha esperança vem de Deus e por isso eu acredito na bondade, na vida e que podemos vencer todo esse mal com o bem, e simplesmente fazendo nossa parte como cidadão, como seres humanos, agindo com amor, com bondade. O pânico como eu citei no começo nos impede de raciocinar, e por isto tenho visto pessoas tendo atitudes exageradas, mal pensadas e realmente egoístas. O maior grupo de risco desta doença são os idosos, as crianças e gestantes, é importante fazermos a nossa parte e proteger este grupo, e a melhor maneira de fazer isto é, não sair por aí correndo o risco de se contaminar e como consequência claro contaminar outras pessoas !. A ignorância deixam as pessoas cegas e egoístas, se informem, pois neste grupo de risco podem estar uma ou mais pessoas que você ama, e é assim nas outras famílias. Empatia ! É o que precisamos ter. E para quem ainda não tem noção do que se trata esse vírus , eu peguei algumas informações mais resumidas e claras de outras fontes, para que todos fiquem sempre bem informados e se previnem e conscientizem outras pessoas também.

1. O que é o coronavírus?

Coronavírus é o nome de uma grande família de vírus que tem uma estrutura em formato de coroa, conhecida desde 1960. Eles causam infecções respiratórias e já provocaram outras doenças, como a Síndrome Respiratória Aguda Grave (Sars) e a Síndrome Respiratória do Oriente Médio (Mers). A doença causada pelo novo coronavírus recebeu o nome de Covid-19. Ela foi descoberta no final de dezembro de 2019, na China. A primeira morte foi registrada em 9 de janeiro.

2. Como é a transmissão?

Por meio de três formas:

  • Por vias respiratórias, pelo ar e por gotículas provenientes de espirros e da fala de indivíduos infectados;
  • Por contato físico, quando essas gotículas com o vírus alcançam mucosas do olho, nariz e boca por meio de beijos e abraços;
  • Por meio do contato de superfícies contaminadas, quando essas gotículas com o vírus ficam depositadas em locais como um corrimão ou uma maçaneta, e depois entram em contato com mucosas do olho, nariz e boca.

3Quais são os sintomas da doença causada por coronavírus?

Tosse seca, febre e cansaço são os principais sintomas, mas alguns pacientes podem sentir dores no corpo, congestionamento nasal, inflamação na garganta ou diarreia. Nos casos mais graves, que geralmente ocorrem em pessoas que já apresentam outras doenças associadas, há síndrome respiratória aguda e insuficiência renal.

4-Como prevenir o coronavírus?

Higienizar as mãos e superfícies, como móveis e corrimão, são as principais formas de se prevenir contra o novo coronavírus. Mesmo com as mãos limpas, evitar tocar mucosas de olhos, nariz e boca. Além disso, é preciso limpar regularmente o ambiente e mantê-lo ventilado.

O uso de máscaras é recomendado somente para os casos abaixo:

  • Para quem está saudável, usar a máscara apenas se estiver cuidando de alguém que tenha suspeita de coronavírus
  • A máscara também deve ser usada por quem está tossindo ou com o nariz escorrendo

Nos casos em que se fizer necessária (citados acima), o uso da máscara deve ser combinado com a frequente higiene das mãos, com água e sabão ou utilizando álcool.

O Ministério da Saúde alerta também para que não seja feito o compartilhamento de itens pessoais, como talheres e toalhas. Também é recomendável manter a uma distância mínima de um metro de pessoas que estejam espirrando ou tossindo.

Para infectar uma pessoa, o vírus precisa sair de um doente e entrar no organismo de outra pessoa. Ao tossir, falar ou espirrar, por exemplo, o vírus se espalha por meio das gotículas – não há indício de transmissão pelo ar sem ter relação com estas gotículas. Estudos avaliados pela Organização Mundial de Saúde (OMS) apontam que o vírus pode persistir nas superfícies por algumas horas ou, até mesmo, vários dias. Isto pode variar e depende das condições do local, do clima e da umidade do ambiente. Usando as gotículas como “transporte”, os vírus podem ficar em superfícies como maçanetas, apoios de transporte público, botões de elevadores, teclas de computador, celulares, entre outros.

Como é feito o tratamento?

Não existe tratamento específico contra a Covid-19. Os pacientes infectados recebem uma medicação para aliviar os sintomas. Ibuprofeno, corticoides e aspirina não devem ser usados por quem estiver infectado pelo novo coronavírus (Leia mais no item “42. O ibuprofeno é recomendado para tratar a Covid-19?”).

Segundo o Ministério da Saúde, o tratamento indicado é repouso e consumo de bastante água. Antibióticos não devem ser usados, segundo a OMS, por serem capazes de combater somente infecções bacterianas, não as virais como no caso do coronavírus. As medidas adotadas para aliviar os sintomas são:

  • Medicamentos para dor e febre (antitérmicos e analgésicos).
  • Umidificador no quarto ou banho quente para aliviar a dor de garanta e tosse.

É possível ser infectado mais de uma vez por coronavírus?

Os cientistas ainda não têm essa resposta de forma concreta. Há notícia de pelo menos um caso de uma mulher no Japão que testou positivo para o novo coronavírus pela segunda vez quase um mês após ter recebido alta do hospital. Também houve outro caso na Itália, onde o primeiro paciente de coronavírus da cidade de Turim voltou a ter diagnóstico positivo para Covid-19 depois de ter sido liberado de um hospital com um resultado negativo para o vírus. Infecções reincidentes também foram relatadas na China, onde a doença se originou no fim de 2019.

Estou com suspeita de infecção por coronavírus. Como devo proceder?

Em 80% dos casos, os sintomas de coronavírus são leves, semelhantes a uma gripe. Nestes casos, o essencial, segundo a Organização Mundial da Saúde, é evitar sair de casa. O Ministério da Saúde recomenda ficar em repouso e tomar bastante água. Se precisar sair, deve-se evitar circular em lugares fechados, com muitas pessoas e com pouca ventilação. É preciso entender que ir ao trabalho ou à escola com sintomas de gripe implica expor potencialmente outras pessoas à doença.

Crianças ou adultos: quem corre mais risco ao ser infectado por coronavírus?

Segundo a Sociedade Brasileira de Infectologia, os grupos de maior risco são crianças menores de 2 anos, gestantes, adultos com 60 anos ou mais.

O coronavírus tem cura?

Segundo a OMS, ainda não há cura e não há um tratamento medicamentoso definido. Mas, segundo o infectologista Queiroz, existe a chamada “cura espontânea”, que ocorre quando o corpo reage à infecção.

Qual é a origem do novo coronavírus?

Os estudos ainda não determinaram a origem. Sabe-se que o vírus responsável pelo Covid-19 é uma variação da família coronavírus. Outras variações mais antigas de coronavírus, como SARS-CoV e MERS-CoV, já eram conhecidas pelos cientistas. O surto inicial da doença atingiu pessoas que tiveram alguma associação a um mercado de frutos do mar em Wuhan. Uma das hipóteses é que a origem tenha relação com o consumo de carne de pangolim, um mamífero em extinção.

O que é pandemia?

A Organização Mundial de Saúde (OMS) declarou pandemia para o Covid-19, infecção causada pelo novo coronavírus, na quarta-feira, 11 de março. Segundo a OMS, uma pandemia é a disseminação mundial de uma nova doença. É um termo usado com mais frequência em referência à gripe e, geralmente, indica que uma epidemia se espalhou para dois ou mais continentes com transmissão sustentada de pessoa para pessoa. A questão da gravidade da doença não entra na definição estrita da OMS de uma pandemia — apenas a disseminação –, embora a organização possa levar em consideração o ônus geral da doença para a população antes de declarar uma pandemia.

Qual a diferença entre pandemia, epidemia ?

Pandemia: é a disseminação mundial de uma nova doença. É um termo usado com mais frequência em referência à gripe e geralmente indica que uma epidemia se espalhou para dois ou mais continentes com transmissão sustentada de pessoa para pessoa.

Casos de coronavírus no Brasil em 19 de março (14:20)

Secretarias estaduais de saúde contabilizam 534 infectados em 20 estados e no DF. Último balanço oficial do Ministério da Saúde aponta 428. Já são seis mortos no Brasil, quatro em SP e dois no RJ.O último balanço do Ministério da Saúde, divulgado na noite de quarta-feira, contabiliza 428 infectados, 11.278 casos suspeitos e 1.841 casos descartados.

Situação no mundo

De acordo com informações da Organização Mundial da Saúde (atualizadas às 16h40 de quarta-feira), houve 207.855 casos confirmados e mais de 9.000 mortes por Covid-19 em 166 países e territórios. O balanço apontou que cerca de 34% das mortes estão concentradas em Hubei, província chinesa onde se iniciou o surto: lá, foram ao menos 3.130 vítimas fatais. A Itália aparece como o segundo país com mais mortes por novo coronavírus, são 2.978, 32% de todas as mortes no mundo.

Enfim está bem claro que o que estamos passando por agora é um momento muito difícil e não só no país que vivemos mais no mundo inteiro, é assustador e triste demais. Estamos entrando em uma crise, serão dias difíceis, mas não podemos perder a fé, a esperança e nem esquecer de fazer a nossa parte para que tudo isso passe. Não saiam de casa, quem puder e tiver essa facilidade de trabalhar de casa faça isso, as pessoas acham que não é nada, mas diminuir a circulação de pessoas nos lugares, nos transportes públicos, parques, shoppings enfim.. faz com que este vírus não se espalhe e pessoas não se contamine! E muitas mil pessoas possam ser salvas ! Principalmente os idosos, as gestantes e as crianças !

Vamos manter a calma e conscientizar as pessoas, os mercados estão ficando vazios e há um exagero nisto, um egoísmo, não pensam no pobre que não tem condições de fazer a compra para um mês, e estão estocando comida para três, quatro meses sem pensar .. e o grupo de risco? e quem ficar doente? e precisar e não tiver a mesma condição? E as máscaras ? Que são somente para os grupos de risco os médicos para quem realmente necessita usar, e até isto estão estocando. O álcool em gel, máscaras, toda a comida do mercado, salve-se quem puder! E quem não puder.. Morre de fome! E sem máscara também se um dia realmente precisar .. é triste e é o mundo no qual vivemos, pessoas que só pensam em si mesmas. Eu e minha família somos da classe social dos pobres, eu ainda preciso trabalhar todos os dias, não tenho a praticidade de trabalhar de casa, pego transporte público todos os dias, e estou correndo risco mesmo tendo todo cuidado, minha mãe e meu pai tem 57 anos e o meu maior medo hoje é que eles se contaminem, que eu passe esse vírus para eles. Meus vizinhos são quase todos bem idosos e muitas crianças bem pequenas que não chegam nem a 3 anos de idade e são neles que eu penso todos os dias antes de sair e ao voltar para casa. Infelizmente todos nós dependemos do SUS e já fomos bem informados que não haverá leitos o suficiente para todos e por isso pedem para que fiquemos em casa, não vai haver leito nem para minha mãe, pai, vizinhos muito menos para mim e nem comida para comprar porque vão acabar com tudo, nem máscaras, nem remédios e só Deus mesmo para escolher qual nosso destino.

Eu só peço que agora pensem no próximo e no mundo inteiro que passa por toda está situação, aja com bondade, pratique a empatia não só fale dela, chega de tanta maldade, que essa história não só seja lembrada pelas coisas ruins que aconteceram mas que também seja pelo ato da bondade que boas histórias sejam contadas em meio a tanta dor e sofrimento que estamos passando. Vamos ter esperança que haverá um futuro melhor para todos nós, vamos vencer, o mundo vai se curar! E vamos poder sair às ruas novamente e vamos dar valor para o ar que respiramos, para cada plantinha desta terra ! Cada árvore plantada ! Para o céu o sol, a chuva e tudo e principalmente para as pessoas que amamos. “Tudo que acontece de ruim nesta vida.. é para melhorar ” tudo é uma lição, experiência e vamos aprender com está e já estamos.

Não importa quanto a vida possa ser ruim, sempre existe algo que você pode fazer, e triunfar. Enquanto há vida, há esperança. (Stephen Hawking)

“O silêncio é a resposta dos sábios”

“O mais competente não discute, domina a sua ciência e cala-se.”
Voltaire

Sábio é aquele que, em silêncio, desenvolve um estado mental que o ensina a ser prudente e coerente com o que vai dizer. Nesse silêncio, pode parecer óbvio, mas quanto mais pensamos, menos vamos falar. Falar mais é pensar sempre menos.

Certamente, você já passou por situações em que falou mais que deveria o até mesmo falou o que não deveria, por impulso, por raiva enfim uma situação constrangedora e ruim. Em situações como estas somos sempre convidados a debater, a expor nossa opinião, o que sentimos, e a consequência disto é o “falar sem pensar “. É o resultado da emoção, do que sentimos e por isto é importante às vezes ouvir a razão.

Há algum tempo eu tenho passado por situações complicadas, e para mim é como um teste, um processo de amadurecimento onde o silêncio tem sido um exercício diário. Eu pratico o silêncio para não perder meu equilíbrio emocional, não agir por impulso embora minhas emoções peçam ao contrário. E por isso eu quis falar sobre isto hoje, as vezes você se encontra em momentos de crise, onde há pessoas tentando tirar a sua paz e fazer com que você perca o seu autocontrole dando a eles o que desejam, agressividade e que haja com ignorância, justamente para que você demonstre ser o que não é. O silêncio é a resposta mais sábia que podemos dar nestes momentos, mesmo sendo difícil ficar calado quando por algum motivo algo não te agrada, se você agir e falar sem pensar, haverá uma grande chance de você ser afetado pelas circunstâncias externas.

Quando o sábio é testado a dizer aquilo que o tolo quer ouvir, basta o silêncio para distorcer seu modo habitual de se impor. Por isso, quando se diz por meio do silêncio, cala a arrogância. O silêncio é uma virtude que revela o olhar dos sábios.

Vivemos em um mundo destituído de consciência e infelizmente muito cruel, há uma falta de empatia nas palavras, no modo de agir, ninguém se importa de verdade. Nós recebemos às informações mas não nos preocupamos com as formações, com os fundamentos e se realmente existe um fundamento, falamos o que escutamos, e logo não nos importamos com a verdade.

Os antigos falavam pouco, liam pouco e pensavam muito sobre o pouco que falavam e liam. Hoje lê-se muito, fala demais e pensa de menos”. Clara Dawn

O silêncio pode parecer um ato de covardia para os tolos, mas ele é um lugar no nosso interior um espaço dentro de nós para a reflexão, para que possamos pensar, falar e agir com sabedoria. Em alguns casos o silêncio pode ser sinal de algum problema interno, o que causa depressão, ansiedade, e outras doenças psicológicas. Nestes casos é importante você dizer o que sente, mas somente para pessoas que realmente tem boas intenções. Digo isto porque, existem pessoas maldosas e sabemos disto, e não é surpresa que a maioria delas usem a nossas dores, as nossas cicatrizes para nos difamar, e fazer dos nossos problemas ainda maiores. É triste, mas é a realidade do que vivemos, do que enfrentamos.

Enfim, que o nosso silêncio seja abastecido com palavras de bondade e amor, que nele possamos procurar e achar o nosso equilíbrio emocional. Que o nosso silêncio não seja encarado como uma covardia ou medo, mas sim uma possibilidade de dizer de forma honesta, sem precisar ferir verbalmente,assim tendo uma consideração por quem vai ouvir não importando quem seja ou o que ela tenha feito.

E não se preocupe com o barulho, pois é por meio dele é que se revela o silêncio. 🙂

“Demore na dúvida, e descubra a sabedoria que insiste em se esconder na ausência de palavras. Padre Fábio de Melo

Aprendi o silêncio com os faladores, a tolerância com os intolerantes, a bondade com os maldosos; e, por estranho que pareça, sou grato a esses professores. Khalil Gibran “

Se o que tens a dizer não é mais belo que o silêncio, então cala-te. Pitágoras

LIBERTE-SE!!

“Liberte-se da escravidão mental, ninguém além de nós, pode libertar nossas mentes.”
― Bob Marley

Existem milhões de pessoas no mundo afora que estão sendo vítimas de relacionamentos abusivos, que sofrem pressões psicológicas, do seu namorado, pai, irmão, chefe, ou qualquer pessoa, que exerça um domínio abusivo. É o que chamamos de escravidão emocional, quando nos tornamos escravos entregando o controle, o poder de nossas vidas para estas pessoas. A escravidão emocional não está somente relacionado à pessoas, relacionamentos, pressão e etc, mas também à idéias que muitas vezes adotamos para a vida, pois nossas mentes são programas pelo ambiente em que vivemos, pelos valores e crenças, pela educação e as normas sociais do mundo. Então o que nos tornamos é influência disto.

Mas a medida que vamos amadurecendo, nossas idéias também amadurecem, nossa visão sobre muitas coisas mudam, o que em minha opinião é extremamente bom. Pois ser escravo do sistema é algo tão ruim que também nos afeta emocionalmente, pois não queremos “ser” aquilo que nos impõem, que querem que sejamos, queremos ser uma mudança constante. Então, quando nosso interior é despertado vamos percebendo que muito do que acreditávamos já não se encaixa na nossa vida e passamos a sentir necessidade de sermos nós a termos controle sobre nossas vidas e sobre as nossas mentes.

Logo passamos a compreender que não precisamos de ser a pessoa que se sente aprisionada por este sistema, que não precisamos nos conformar as condições que nos foram impostas. Que a nossa energia diária não precisa ser influenciada pelas emoções negativas as vezes nossas e a maioria das vezes das pessoas, pois assim nós nos perdemos no processo de definir quem somos, perdendo algo infinitamente maior e mais importante “a nossa conexão com nós mesmos” e a conexão com as coisas maravilhosas deste mundo.

Quantos homossexuais sofrem, por causa de pensamentos homofóbicos que geram tanta violência e rejeição? Quantas mulheres se tornam escravas de seus cônjuges, sofrem abusos físicos e psicológicos, e não sabem como reagir, pois a sua religião não permite o divórcio e acabam se tornando escravas de suas crenças, das leis impostas e do sistema !?. E quantas pessoas se sujeitam a humilhações no trabalho, dos seus chefes e até de outros funcionários, porque a família e os amigos os pressionam a não desistir, ao invés de incentivá-los a buscarem por algo melhor, a se arriscarem e a evoluir !! ?

É isso mostra quanta escravidão existe neste mundo, quantas prisões internas, quantas mentes aprisionadas ao sistema e às crenças e quantas pessoas aprisionadas à outras pessoas, à lugares e situações. Como acabar com a escravidão? Libertando-se, eliminando esta corrupção de nossas vidas e mudando o mundo a nossa volta começando aqui dentro, libertando a nossa mente. Podemos mudar nossa visão, nossas idéias, podemos buscar por mudanças, não precisamos viver em ambientes cobertos de energias negativas, de soberba, de egoísmo e falsidade, não precisamos nos sujeitarmos à humilhações. Arriscar é um grande começo, uma evolução e o fim de uma prisão emocional.

Distrações estão em todo o lado, programando as nossas mentes e tirando-nos o grande poder que temos. Atirando-nos a uma vida de consumismo barato, egoísmo e falta de conexão uns com os outros. Como obter o controle de nossa mente? abaixo algumas dicas;

  • Comece a ser mais seletivo em relação ao que ouve, vê e lê
  •  Acredite em você. Pense grande e sonhe grande. É preciso focar em suas forças conhecidas e trabalhar para superar suas limitações. Evite comparar-se com outras pessoas e não permita que circunstâncias externas determinem o que você pode realizar
  • Trabalhe dedicadamente; Assuma a responsabilidade por sua vida. Pare de pensar que você é “propriedade de alguém”. A vida não nos dá o roteiro de alcançar o que almejamos – é preciso criá-lo e correr atrás.
  • Seja positivo. Transforme o negativo em positivo e torne a sua experiência de viver algo construtivo e gratificante. Liberte-se da contaminação pela negatividade. Não se oriente pela opinião de outras pessoas sobre você e não se sinta atingido pessoalmente por ela. Projete o seu futuro e mantenha o foco nele.
  • Não abra mão de manter relações sociais que lhe complementem, que agreguem valor e conhecimento à realização de seus objetivos. Alie-se a pessoas que lhe ajudarão porque veem o seu valor.
  • Faça dos livros os seus grandes amigos. Busque aperfeiçoar-se pela leitura, pelo conhecimento
  • Desenvolva uma conexão com você mesmo; O nosso livre-arbítrio é o que faz com que ter controlo sobre a nossa vida seja tão essencial, no sentido de que podemos facilmente viver a vida que é foi imposta por outros, caso não sejamos nós a criar a nossa própria realidade.
  • Se afaste de pessoas e de lugares negativos que te afetam emocionalmente, preste atenção nas pessoas com quem você se relaciona.

Enfim, liberte-se de tudo que te prende emocionalmente, cuide do seu interior , cuide da sua alma, liberte-se de idéias e pensamentos negativos, busque por mudanças na verdade seja uma mudança constante ! Alimente sua mente e sua alma !… E por hoje é isto :), até o próximo post !!

DESCONECTAR PARA CONECTAR

DESCONECTE-SE !

Por que na era da globalização, desconectar-se da rotina e especialmente do trabalho parece uma tarefa impossível? Porque estamos sempre conectados, envolvidos com o trabalho e encontrar um tempo livre neste espaço de tempo, parece ser irrelevante. Irrelevante no sentido de que não dedicamos muito tempo a pensar de forma explícita nisso. E quando dispomos deste tempo livre ainda nos encontramos conectados nas redes sociais, quando a nossa mente e corpo deveria estar conectado a tudo aquilo que nos traz a sensação de “paz” de “descanso”.

É claro que compreendemos que a tecnologia é uma janela ampla para o nosso conhecimento, e um meio de comunicação através das redes sociais. E como consequência, perdemos a conexão com tudo que está ao nosso redor. É mais provável que você converse com amigos pelas redes sociais do que marcar um encontro, como fazíamos anteriormente quando nada disto existia. Então podemos compreender que estar conectado praticamente em todo o seu tempo, faz com que você perca momentos, e as coisas boas da vida. Viver é bom, e existem maneiras de estar conectado sem precisar de um computador, celular ou tablet, e essa maneira é vivendo da melhor maneira possível.

Quando nos agarramos muito ao trabalho, sabotamos a nossa vida por causa dessa obsessão. Eu falo muito sobre mente e corpo, e mais uma vez eu digo como isto está ligado, pois quando a mente se encontra em um estado de “exaustão” ela se torna menos eficiente e o rendimento será menor. O que eu quero dizer é, quanto mais trabalhamos, menos resultados obtemos e isso nos gera uma frustração, e como consequência o nível de estresse aumenta e o resultado é a “ansiedade”. E tudo isso se reflete para o nosso corpo, a sensação de cansaço, dores, angústia e etc. Ou seja se você não cuida da sua saúde mental isso afetará seriamente a saúde do seu corpo.

Quando não conseguimos encontrar tranquilidade dentro de nós mesmos, de nada serve procurá-la noutro lugar.”–François de la Rochefoucauld–

Porém, é importante se desconectar não só do trabalho, desconectar de tudo aquilo que traz más energias, que deixa tudo mais pesado, carregado, e isto também tem muito haver com pessoas. É muito importante você priorizar sua saúde tanto física quanto a emocional. E o emocional também está ligado com as pessoas que você convive, pois de certa forma você permite que elas controlem tudo o que sente. Então é importante desconectar de pessoas que te prejudicam emocionalmente, e se conectar com aqueles que se importam com seu bem-estar, que te traz boas energias de verdade.

Desconectar-se das novas tecnologias

As novas tecnologias potencializaram e melhoraram a nossa comunicação e o fluxo de informação, mas também contribuíram para deteriorar a nossa qualidade de vida e a nossa saúde Esta é a conclusão a que chegaram muitos estudos realizados em áreas como a medicina e a psicologia. Como eu disse a tecnologia não é ruim, mas de certa forma ela nos torna como escravos, como se dependêssemos dela para tudo. As novas tecnologias, e em particular as redes sociais virtuais, são absorvedoras e dificultam a tarefa de estabelecer limites entre o pessoal e o profissional. 

Dicas para nos desconectarmos

  • Rir e se divertir ao máximo deve ficar no topo das tarefas a realizar. É sempre bom passar um tempo com as pessoas que amamos e até mesmo fazer novas amizades, sair e se divertir, isso nos traz bons sentimentos e uma sensação verdadeira de “estar em paz”, “estar feliz”.
  • Leia, não digo isso só porque amo ler , mas por experiência própria eu digo que ler é como uma calmaria, li uma vez em algum lugar “livros são como um hospital para as mentes”, e isso faz todo sentido claro quando você faz boas escolhas na hora de ler então, escolha bons livros !. Livros são como uma janela para o mundo.
  • Viaje, conheça lugares novos, se conecte com a natureza, com tudo que é belo e natural, passe a observar as coisas simples e que dão cor, sentido para a nossa vida. A natureza também traz “paz”, descanso e alivio para alma, mente e corpo. Então conecte-se com tudo que transmita boas energias, e te traz vida. Você já deve ter ouvido falar de Diogo Guerreiro, para quem não sabe, Diogo é um atleta que viajou o mundo, foi o capitão mais jovem do Brasil a dar a volta no planeta de veleiro. Também é íntimo da costa brasileira: fez a travessia do Chuí ao Oiapoque de windsurf. Estão entre suas aventuras mais recentes cruzar o estreito de Magalhães a bordo de sua prancha e atravessar a Groenlândia a pé. Em uma de suas entrevistas ele diz;

Eu sou um aventureiro profissional. Vivo fazendo aventuras e gravando programa de televisão. As minhas aventuras são para lugares meio remotos, em que a gente desconecta do mundo e fica totalmente focado no presente. Não existe superficialidade. O fato de desconectar faz com que a gente se reconecte com nós mesmos, comece a dar atenção para o que realmente importa. Na sociedade a gente é muito solitário, nosso tempo tá sempre consumido por alguma coisa. Ou a gente tá falando com alguém, ou tá no Instagram, ou tá mandando mensagem. Muito pouco tempo a gente se permite a reflexão pura. Essa abundância de informação faz a gente perder um pouco essa conexão íntima com nós mesmos. Quando a gente faz uma jornada dessas, como a última que fiz à Groenlândia, 26 dias a pé, com um trenó com tudo que eu precisava, barraca, comida, foi uma oportunidade fantástica de pensar sobre a própria vida, reavaliar os valores.

Eu torno a dizer, conecte-se com as coisas mais belas da vida, que o resultado sem dúvidas será muito benéfico para sua vida, realmente muito positivo. Então desconecte-se para se conectar consigo mesmo.

  • Para podermos desfrutar melhor do nosso tempo livre, o ideal é não andar com dispositivos móveis como o celular e o computador, pois eles estragam tudo. Quando a mente se desvincula da pressão e do excesso de trabalho ela pode criar livremente. Adicionalmente, é também neste momento que temos ideias mais claras e uma maior tranquilidade para resolver qualquer problema.
  • ARTE ! é só uma dica, mas se você aprecia a arte, procure se conectar à ela, através da arteterapia, musicoterapia é uma forma de se reconectar. ARTE É CURA !! 🙂

Enfim, esse foi o post de hoje, DESCONECTAR PARA CONECTAR ! pois vivemos sempre ansiosos, estressados, nossa mente se encontra exausta e tudo que precisamos é de “paz” e “descanso”. Nossa alma deseja isto, nosso corpo , nossa mente pede isto, então por que não atender nossas necessidades e cuidar de nós mesmos? Devemos nos priorizar se quisermos viver bem ! então se dê essa atenção, e cuide de si mesmo. SE AME ! 🙂